RADIO RESTITUI


quarta-feira, 29 de abril de 2015

As Diferenças entre o LEGÍTIMO e o ILEGÍTIMO.

As Diferenças entre o LEGÍTIMO e o ILEGÍTIMO.
(Juízes 9:1-3)

Introdução.

Hoje quero falar sobre legitimidade e ilegitimidade usando dois personagens do livro de Juízes:
Jotão e Abimeleque.

Jotão representa o líder legítimo,levantado por Deus sobre o povo.
Abimeleque representa o líder ilegítimo ou aquele que conquista pela usurparção.
Algumas pessoas foram levantadas por Deus sobre nossas vidas.
Outros usurpam o direito de liderar sobre outros.




1) Data e situação Geo-política de Israel.

Esta história se deu no período dos Juízes.
O livro de Juízes cobriu um período de 300 anos onde cada um fazia o que queria em Israel.

Neste tempo não havia um rei unificado em Israel.

"Naqueles dias não havia rei em Israel; cada um fazia o que parecia bem aos seus olhos."
(Juízes 17:6)

1.1) Ocasionalmente Deus levantava um Juiz sobre o povo,e este, governava até a morte.

Os juízes eram libertadores levantados por Deus para libertar Israel das mãos de seus opressores. Deus odeia a escravidão,seja ela física ou intelectual.
A Bíblia é um livro anti-escravidão.

1.2) Gideão ou Jerubaal foi um juiz muito influente em Israel.

O título de Jerubaal recaiu sobre Gideão porque ele derrubou a estátua de Baal e eliminou a adoração ao mesmo em Israel. Nem mesmo a estátua de seu pai foi poupada.
Ele derrubou a estátua de Baal erguida na propriedade de seu pai.(Juízes 7:1)
Tal atitude lhe conferiu o título  de Jerubaal.

1.3) A morte de Gideão.

 "E teve Gideão setenta filhos, que procederam dele, porque tinha muitas mulheres. 31 E sua concubina, que estava em Siquém, lhe deu à luz também um filho; e pós-lhe por nome Abimeleque. 32 E faleceu Gideão, filho de Joás, numa boa velhice; e foi sepultado no sepulcro de seu pai Joás, em Ofra dos abiezritas. 33 E sucedeu que, como Gideão faleceu, os filhos de Israel tornaram a se prostituir após os baalins; e puseram a Baal-Berite por deus."
(Juízes 8:31-33)

Gideão gerou um filho ilegítimo chamado Abimeleque.

 "Ora o servo não fica para sempre em casa; o Filho fica para sempre."
(João 8:35)

Tudo que é ilegítimo nos fará mal.


1.4) Gideão não proclamou seu sucessor.

Sucesso sem um sucessor constitui-se um verdadeiro fracasso.
Jerubaal morreu e não preparou um sucessor.
A morte de Gideão ou Jerubaal abriu um vácuo na liderança de Israel.
O mesmo deixara setenta filhos sem nomear um sucessor.
Após a morte do grande líder,Israel caiu novamente na idolatria.
Onde não existe liderança o desgoverno impera.



2) A Loucura de Abimeleque.

Conforme escrevi acima,Juízes 8, Abimeleque era um dos setenta filhos de Gideão,porém era um filho ilegítimo. Filho da concubina de Siquém.
Siquém era uma cidade próxima a Sodoma e Gomorra.(Lugar de idolatria e devassidão)
Abimeleque foi gerado em Siquém  e cresceu debaixo dos princípios que regiam aquela cultura idolatra e devassa.
Sendo inteligente e muito perpicaz, Abimeleque resolveu eliminar todos os seus irmãos paternos, para reivindicar sobre si o governo em Israel.

 


2.1) A estratégia usurpadora de Abimeleque.(Juízes 9:1-6)

"E Abimeleque, filho de Jerubaal, foi a Siquém, aos irmãos de sua mãe, e falou-lhes e a toda a geração da casa do pai de sua mãe, dizendo: 2 Falai, peço-vos, aos ouvidos de todos os cidadãos de Siquém: Qual é melhor para vós, que setenta homens, todos os filhos de Jerubaal, dominem sobre vós, ou que um homem sobre vós domine? Lembrai-vos também de que sou osso vosso e carne vossa. 3 Então os irmãos de sua mãe falaram acerca dele perante os ouvidos de todos os cidadãos de Siquém todas aquelas palavras; e o coração deles se inclinou a seguir Abimeleque, porque disseram: É nosso irmão."(Juízes 9:1-3)

Abimeleque representa um rei constituído pelo povo.
Primeiro manipula o povo.
Logo depois,será rejeitado pelo mesmo povo quando não satisfazer seus desejos.

O líder tipo Abimeleque segue a voz do povo.
Esta sempre preocupado em agradar o povo.
Foge de contrariar os interesses das pessoas.


2.2)  A seguir, Abimeleque, o filho da concubina, revoltou-se contra seus irmãos e promoveu uma rebelião com o apoio de seu povo de Siquém e, com um bando de homens maus, matou sessenta e nove dos setenta filhos de Gideão.


"E veio à casa de seu pai, a Ofra e MATOU A SEUS IRMÃOS  a seus irmãos, os filhos de Jerubaal, SETENTA HOMENS  sobre uma pedra. Porém Jotão, filho menor de Jerubaal, ficou, porque se tinha escondido. Então se ajuntaram todos os cidadãos de Siquém, e toda a casa de Milo; e foram, e constituíram a Abimeleque rei, junto ao carvalho alto que está perto de Siquém." (Juízes 9:5,6


3) Jotão se esconde.

"Porém Jotão, filho menor de Jerubaal, ficou, porque se tinha escondido."
(Juízes 9:5b)

Dos setenta filhos de Gideão,um se escondeu do genocídio implementado por Abimeleque.
Seu nome era Jotão,o caçula de Gideão,o último na linha de sucessão.
Pela lógica da sucessão, Jotão assumiria o governo depois que 69° irmão tivesse reinado.
Pela lógica de Deus,os últimos serão os primeiros e os primeiros serão os últimos.

3.1) Jotão representa o rei legítimo.


"Jotão, o caçula de Gideão, escondeu-se e foi salvo e Abimeleque foi proclamado rei. Mas Jotão não ficou com medo e foi até um monte alto, chamado Gerizim, que é o monte onde foram proclamadas as bênçãos sobre Israel e de lá, proclamou uma maldição sobre Siquém e Abimeleque, por ela ter apoiado a rebelião contra a casa de seu pai. Jotão não governou depois disso, mas ele amaldiçoou Abimeleque, chamando-o de espinheiro."


3.3) A parábola de Jotão.


"E Jotão, foi e pôs-se no cume do monte de Gerizim, e levantou a sua voz, e clamou e disse-lhes: Ouvi-me, cidadãos de Siquém, e Deus vos ouvirá a vós; 8 Foram uma vez as árvores a ungir para si um rei, e disseram à oliveira: Reina tu sobre nós. 9 Porém a oliveira lhes disse: Deixaria eu a minha gordura, que Deus e os homens em mim prezam, e iria pairar sobre as árvores? 10 Então disseram as árvores à figueira: Vem tu, e reina sobre nós. 11 Porém a figueira lhes disse: Deixaria eu a minha doçura, o meu bom fruto, e iria pairar sobre as árvores? 12 Então disseram as árvores à videira: Vem tu, e reina sobre nós. 13 Porém a videira lhes disse: Deixaria eu o meu mosto, que alegra a Deus e aos homens, e iria pairar sobre as árvores? 14 Então todas as árvores disseram ao espinheiro: Vem tu, e reina sobre nós. 15 E disse o espinheiro às árvores: Se, na verdade, me ungis por rei sobre vós, vinde, e confiai-vos debaixo da minha sombra; mas, se não, saia fogo do espinheiro que consuma os cedros do Líbano. 16 Agora, pois, se é que em verdade e sinceridade agistes, fazendo rei a Abimeleque, e se bem fizestes para com Jerubaal e para com a sua casa, e se com ele usastes conforme ao merecimento das suas mãos 17 (Porque meu pai pelejou por vós, e desprezou a sua vida, e vos livrou da mão dos midianitas; 18 Porém vós hoje vos levantastes contra a casa de meu pai, e matastes a seus filhos, setenta homens, sobre uma pedra; e a Abimeleque, filho da sua serva, fizestes reinar sobre os cidadãos de Siquém, porque é vosso irmão); 19 Pois, se em verdade e sinceridade usastes com Jerubaal e com a sua casa hoje, alegrai-vos com Abimeleque, e também ele se alegre convosco. 20 Mas, se não, saia fogo de Abimeleque, e consuma aos cidadãos de Siquém, e a casa de Milo; e saia fogo dos cidadãos de Siquém, e da casa de Milo, que consuma a Abimeleque."(Juízes 9:7-20)


4) Porque Jotão proclamou esta parábola no monte Gerezim?


Este era o monte das bênçãos e maldições pronunciadas por Moisés.


As bênçãos sobreviriam sobre o povo em caso de obediência.


A maldição viria sobre a nação em caso de desobediência e rebelião.



5) Abimeleque representa o líder Espinheiro.


O líder espinheiro é ambicioso e egoísta.


"Que lições extraordinárias, sérias, graves e solenes podem ser extraídas dessa passagem! O exemplo do espinheiro Abimeleque ensina que aqueles que são ávidos pelo poder e pelas posições honoríficas, na verdade, são pessoas indignas daquilo que tanto anseiam."

"Outra lição que pode ser extraída da parábola de Jotão, é que quando os ambiciosos, por seu egoísmo, procuram todos os meios para ocuparem posições honrosas e nelas se perpetuarem, isso certamente resultará em prejuízo para aqueles que são governados. Quando vemos homens maquinando, organizando conchavos, utilizando-se de expedientes escusos, legais, porém antiéticos para galgarem a presidência de determinadas diretorias, podemos estar certos de se tratarem de Abimeleques do nosso tempo. Particularmente, fico preocupado quando vejo homens ambicionando cargos honoríficos em nosso meio. Nossas árvores acabam sendo lideradas por espinheiros, consequentemente, se tornarão vítimas do seu fogo."

(www.cristaoreformado.com)


6) Matthew Henry diz algo muito interessante: 

“Não vamos nos surpreender em ver o tolo assentar-se em grandes alturas (Ec 10.6), os mais vis dos filhos dos homens serem exaltados (Sl 12.8) e os homens serem cegos para os seus próprios interesses na escolha dos seus guias”. (www.cristaoreformado.com)

"Através do exemplo das árvores frutíferas podemos aprender que ausência de ambição é uma evidência por demais importante de dignidade e verdadeira vocação."

"Homens dignos não se degladiam na busca pelo poder. Pelo contrário, eles relutam diante das honrarias oferecidas." (www.cristaoreformado.com)



7) Fique com os legítimos.


Existem pessoas que são legítimas em nossa vida.



7.1) Seu marido ou sua esposa são legítimos para sua vida.


Não largue o legítimo em troca de uma aventura sexual.


"Assim, o que adultera com uma mulher é falto de entendimento; aquele que faz isso destrói a sua alma. 33 Achará castigo e vilipêndio, e o seu opróbrio nunca se apagará. 34 Porque os ciúmes enfurecerão o marido; de maneira nenhuma perdoará no dia da vingança. 35 Não aceitará nenhum resgate, nem se conformará por mais que aumentes os presentes."

(Provérbios 6:32-35)


7.2) Seu pai e sua mãe são legítimos para sua vida.


Não saia de casa antes da hora.

Honre seus pais.

Não cometa o erro do filho pródigo.

Fique com os legítimos.


7.3) Alguns líderes são legítimos em nossas vidas.


Não corra atrás dos líderes ilegítimos.

Cuidado com o fogo de Abimeleque.


Palavra Final:


A única coisa que pode diferenciar o legítimo do ilegítimo  são as obras de cada um e o passar dos anos. A verdade é filha do tempo.
O passar do tempo  irá revelar o que é de Deus e o que não é de Deus.
Quem Deus chamou e aprovou.
Quem Deus não chamou e reprovou.


"Os melhores e mais capazes homens não ambicionam reinar sobre o povo. O Senhor Jesus Cristo deixou isso claro: “Sabeis que os governadores dos povos os dominam e que os maiorais exercem autoridade sobre eles. Não é assim entre vós; pelo contrário, quem quiser tornar-se grande entre vós, será esse o que vos sirva” (Mateus 20.25,26).

Pastor Venilton G. Jesus.
Abril 2015



Com pesquisa nos sites:




Postar um comentário